Mariamo Bai - Swazilândia

 

 

 

 



Eu Mariamo Bai, sinto que estou a aprender a viajar e viajando para aprender.     

Swazilândia, Mbabane, 24 de Agosto de 2016


Machibombando pela África Austral, saindo das terras moçambicanas, cruzo a fronteira vivo a Swazilândia, conhecendo um país estrangeiro, me encho de encantos que vejo se reflectir na minha curiosidade, que logo na entrada da fronteira já se faz sentir a sua paisagem dotada de belas montanhas que carregam o esverdear e o castanho bainhadas de raios solares na estação de inverno, nos planaltos e depressões, campos com riqueza do gado a sua volta, um ar puro, ahhhhh, que ar puro. Pessoas boas e acolhedoras que na verdade são nossos irmãos, pois somos todos filhos da mãe África.

Outrora encantada ao conhecer o lugar histórico, onde despenhou o avião que vitimou o primeiro presidente de Moçambique independente Samora Moisés Machel, ahhhh Machibombando, o que mais tens por me mostrar?

Eu como estudante e Moçambicana ao estar em Mbuzine levou-me a compreender a história que ainda reside naquele ponto e elevou o meu respeito a esta passagem da história de Moçambique, ainda mais, é importante para a história porque é através daquele monumento que podemos lembrar a grande tragédia que ocorreu neste local e cobriu a soberania moçambicana com dor, magoa e luto profundo.

No monumento de Mbuzine vi 35 torres, e que cada uma delas representa uma pessoa que ali perdeu a vida. Surpreendi-me ao ver as torres não pintadas e nem mesmo decoradas, mas ganhei mais admiração quando o guia explicava que as torres não estão pintadas, porque quando chove a água arrasta a ferrugem de metal que toma a cor vermelha representando o sangue derramado na tragédia por alguns moçambicanos e estrangeiros

As mesmas torres produzem um ruido no soprar do vento, que representa o amanhecer, o entardecer, a dor das vitimas e o som do avião, eu assumo o quanto estas passagens que o guia nos dizia me tocaram a alma o que os livros pouco me esclareciam, eu senti a cena fria que ali ocorreu o que só ter estado lá, me levou a expressar oque digo nesta experiência triunfalista, porque antes não a tinha. 

 

ma3

E na Swazilândia aprendi que o Professor tem um papel importante para difusão da informação da luta contra o HIV/SIDA, sendo que a menor parte da população infectada são as crianças e um dos programas que a National Emergency Response Council on HIV/SIDA (Nercha) abrange as escolas, afim de incentivar, reduzir e controlar o índice de infecção nesta fase etária.
A cidade de Mbabane, embora pequena anda sempre limpa, e isto, chamou me a atenção. E ao longo das avenidas, encontramos latas de lixo que distam se entre 4 a 20m, e este é um dos resultados que faz com que a cidade ande sempre limpa. Acima de tudo a população local é muito acolhedora e contribui totalmente para o bem-estar da cidade.

 

ma2

Instituto Superior de Educação e Tecnologia

One World University

Nosso Endereço:

Changalane - Maputo
Mozambique

Fale Conosco

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Telefones:

8626 27800      

8428 27800  

8216 96694 

Fique Informado:

S5 Box

Register

You need to enable user registration from User Manager/Options in the backend of Joomla before this module will activate.